Menino Triste

Se nem a lua te dá um olhar de trocado…

                                      

                                          Que queres, menino triste?                                            
que me paras no farol?
Que sonho escuro que viste,
Pois teus olhos não têm sol?

Tua madrasta é a rua,
com seu cimento gelado.
E de noite, nem a lua
te dá um olhar de trocado…

Quem te largou neste mundo,
para catares esmola?
Se roubas, és vagabundo…
Mas quem te roubou a escola?

E quem te arrancou da mão
um brinquedo e uma esperança?
Quem te tirou, sem perdão,
o direito a ser criança?

Tua escola é a calçada,
que freqüentas todo em trapos.
Se o dia não rende nada,
logo apanhas uns sopapos.

Menino, no olhar me imploras
muito mais do que um favor.
Querias que tuas horas
fossem preenchidas de amor!

Mas o que vês são os carros!
Passam depressa, sem dó.
Os sorrisos te são raros.
O Brasil te deixa só.

Minha poesia já chora:
os meninos são milhões.
Será que o povo de agora
perdeu os seus corações?

Vá correndo, minha Musa
pedir ao homem tão duro,
que das riquezas abusa,
que reparta seu futuro!

Poderá haver perdão,
dizei-me vós, Senhor Deus,
para a megera nação
que assim trata os filhos seus?

E a Musa conclama alto,
com resquícios de esperança:
Brasil, não jogues no asfalto
A alma de uma criança!

Anúncios

5 respostas para “Menino Triste

  • Cristian Sardo

    Lindo e emocionante!
    Parabéns!

  • Mariluce Copque

    Parabéns por trazer a realidade em forma de poesia. Sinto-me triste. Sinto-me envergonhada. Poderíamos fazer mais do que apenas pedir a Deus por essas crianças. Por enquanto, é o que consigo. Deus os abençõe.

  • Bianca Duarte

    Adorei conhecer o seu blog Dora!
    Também me emocionei com seus textos.
    Há tanto tempo nao tinha contato com eles..
    Saudades
    Bianca

  • Vera

    Na infância reside a oportunidade para todos se expandirem… Uma infância onde a criança possa expressar-se de todas as formas (arte, musica, o movimento da dança) onde os adultos que estão próximos acolhão em momentos dificeis, onde percebamos suas potencialidades e ajudamos em suas dificuldades. Certamente esta criança não será um menino triste e devolverá ao mundo , o acolhimento, a tolerancia o amor.
    O que será que um menino triste fará para melhorar o mundo?
    Poesia, reflexão, realidade.
    Adorei
    Saudades
    Vera

  • bianca

    hou maravilhoso
    se mais gente retratasse a realidade ao inves de escondela,de passar por ela e fingir que nao a vê ao inves de tentar mudala
    talves o mundo nao estaria tao mau

    continue essaescritora mara que vc é que vc vai longe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: